O Botafogo perdeu para os reservas do Atlético-PR de virada por 2 a 1 neste sábado, na Arena da Baixada, e acumulou a quinta partida seguida sem vencer no Campeonato Brasileiro. O drama só aumenta: o Glorioso caiu para a 14ª posição, com 35 pontos, apenas um ponto acima da zona de rebaixamento e a apenas dois de distância para o penúltimo colocado, o Vitória. Isso faltando apenas sete rodadas.

Com uma equipe modificada, o Botafogo começou melhor do que o Atlético-PR, que vinha de ótima sequência atuando em casa, mas colocou um time alternativo, priorizando a disputa da Copa Sul-Americana. Nos primeiros dez minutos, o Fogão criou duas boas chances: primeiro, Marcelo Benevenuto – surpresa na escalação, improvisado na lateral – cabeceou e Felipe Alves fez ótima defesa; depois, Brenner tabelou com Gilson e, de cabeça, jogou para fora.

Depois da pressão inicial, o Botafogo viu o Atlético-PR se organizar e tomar a iniciativa, com duas finalizações perigosas de Bruno Guimarães. Mas, justamente quando os donos da casa mostravam uma reação, o Fogão conseguiu sair na frente. Gilson sofreu pênalti de Bruno Guimarães, e Brenner cobrou com categoria, encerrando um jejum de seis meses sem marcar: 1 a 0.

O Botafogo manteve a postura organizada no segundo tempo, mas sofreu o empate numa falha da defesa. Igor Rabello tentou cortar o passe de Guilherme e a bola ficou à feição para Bergson, livre, acertar um bonito chute de primeira: 1 a 1, aos 10 minutos. A partir daí, a partida ficou mais feia, com muita disputa, mas o Botafogo abdicou do ataque. E acabou sendo castigado no fim: aos 38 minutos, Nikão puxou contra-ataque e Pablo decretou a vitória atleticana.

Próximos jogos

Faltando apenas sete rodadas para o término do Campeonato Brasileiro, o Botafogo volta a campo no próximo domingo para fazer um confronto direto contra o Corinthians, às 17h, no Estádio Nilton Santos. Na sequência, os rivais serão Flamengo (em casa), Chapecoense (fora), Internacional (casa), Santos (fora), Paraná (casa) e Atlético-MG (fora).

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-PR 2 X 1 BOTAFOGO

Local: Arena da Baixada
Data-Hora: 27/10/2018 – 21h
Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza (SP)
Assistentes: Anderson José Coelho (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)
Renda e público: R$ 132.970,00 / 8.186 pagantes
Cartões amarelos: Guilherme e Bergson (CAP); Saulo, Carli, Marcelo Benevenuto, Matheus Fernandes e Luiz Fernando (BOT)
Cartões vermelhos:
Gols: Brenner 29’/1ºT (0-1), Bergson 10’/2ºT (1-1) e Pablo 38’/2ºT (1-2)

ATLÉTICO-PR: Felipe Alves; Diego, Wanderson, Thiago Heleno e Márcio Azevedo; Bruno Guimarães, Camacho (Matheus Rossetto 25’/2ºT) e Guilherme; Bergson (Pablo 36’/2ºT), Marcinho (Nikão 17’/2ºT) e Rony – Técnico: Tiago Nunes.

BOTAFOGO: Saulo; Marcelo Benevenuto, Carli, Igor Rabello e Gilson; Rodrigo Lindoso, Matheus Fernandes (Gustavo Bochecha 31’/2ºT) e Leo Valencia; Luiz Fernando, Erik (Renatinho 20’/2ºT) e Brenner (Aguirre 31’/2ºT) – Técnico: Zé Ricardo.

Fonte: Redação FogãoNET