GATITO: 5,5
Esteve tranquilo durante todo o jogo, mas o gol era defensável para um goleiro do seu nível

ARNALDO: 7,0
Ótimas escapadas e opção constante pelo lado direito

CARLI: 7,5
Foi muito firme e ganhou praticamente todas as jogadas

IGOR RABELLO: 7,5
Bem no jogo, bobeou ao dar espaço no gol de Jô, mas fez o gol da vitória

VICTOR LUIS: 6,5
Melhorou em relação aos últimos jogos. Atacou mais e foi guerreiro

RODRIGO LINDOSO: 6,5
Fez seu papel de marcar e distribuir as jogadas

JOÃO PAULO: 6,5
Melhor mais recuado, foi combativo sem a bola e participativo com ela

BRUNO SILVA: 8,0
Foi um monstro no jogo. Correu o tempo todo, marcou e criou lances de perigo

MARCOS VINÍCIUS: 7,5
Grande atuação. Driblou, deu passes, mostrou visão de jogo e chegou para finalizar

RODRIGO PIMPÃO: 5,5
O melhor foi participar do primeiro gol. Correu muito, quis jogo, mas errou tecnicamente

BRENNER: 7,5
Fez mais um gol de oportunismo, saiu da área e deu opção de jogo. Vem evoluindo

GUILHERME: 6,5
Correu, buscou a bola e foi participativo. Mas errou bastante na tomada de decisão

VALENCIA: 7,0
Entrou, deu chute perigoso e cruzou na cabeça de Rabello no gol decisivo

GILSON: 6,5
Cumpriu a missão de fechar o lado esquerdo e apoiar

JAIR VENTURA: 8,0
Tira leite de pedra a cada jogo para se reinventar. Seu time foi superior ao líder e mereceu vencer

Fonte: Redação FogãoNET