HELTON LEITE: 5,5
Não teve culpa nos gols e não fez intervenções relevantes

MARCINHO: 4,5
Bobeou nos dois gols do Boavista e mostrou nervosismo. Melhorou no segundo tempo

CARLI: 5,5
Mostrou segurança e pareceu se poupar. Levou cartão amarelo. Precisa de ritmo

RABELLO: 4,5
Facilmente driblado no primeiro gol, levou azar no segundo. Depois melhorou

GILSON: 5,0
Deixou espaços na marcação e mostrou velocidade para atacar. Mas pouco fez

DUDU CEARENSE: 5,5
Muita marcação no meio, faltas e disposição. Pode render mais

RODRIGO LINDOSO: 6,5
Melhor que nos últimos jogos, participou do segundo gol. Mais dinâmico e participativo

FERNANDES: 8,0
Até então esquecido, voltou com dois gols e com qualidade. Aproveitou a chance

LEANDRINHO: 8,0
Dono do meio-campo, teve talvez sua melhor atuação no Botafogo. Chamou o jogo, distribuiu, driblou e fez o gol da vitória

JOEL: 5,0
Pouco apresentou com a bola nos pés. Sua maior utilidade foi na parte tática, ao correr e marcar

VINICIUS TANQUE: 5,5
Não teve chances de finalizar, mas deu bom passe de calcanhar no segundo gol

SASSÁ: 5,0
Fora de forma, entrou cheio de vontade, mas perdeu dois gols fáceis

PACHU: Sem nota
Mal foi notado em campo

YURI: Sem nota
Estreou com disposição, mas pouco tempo

JAIR VENTURA: 7,0
Seu time reserva teve brio de reagir e virar um jogo que parecia perdido. Apostou bem em Fernandes e Leandrinho na armação

Fonte: Redação FogãoNET