DIEGO CAVALIERI: 5,0
Realizou boas defesas, mas vacilou no gol, em seu canto

FERNANDO: 4,0
Pouco incisivo no ataque, teve dificuldades na marcação e foi vaiado

CARLI: 6,0
Fez jogo bom e seguro

GABRIEL: 7,0
Muito firme, evitou o perigo em diversos lances e salvou o Botafogo

GILSON: 5,5
Foi bem marcado e não deu a válvula de escape pela esquerda habitual. Mais preso atrás

CÍCERO: 5,0
Rodou a bola e cercou na marcação, sem grande destaque

ALEX SANTANA: 5,5
Ao menos tentou sair do lugar comum e carregar a bola para a frente. Pouco inspirado

JOÃO PAULO: 5,0
Tentou muito, errou muito. Mal tecnicamente

LUIZ FERNANDO: 5,0
Algumas escapadas em velocidade, outras bolas perdidas. Também faltou inspiração

ERIK: 5,0
Caiu de produção nos últimos jogos. Não foi incisivo nem perigoso

DIEGO SOUZA: 6,0
Prendeu a bola, correu, deu opção e tentou jogar sozinho na frente

LUCAS CAMPOS: 4,5
Não correspondeu. Se enrolou com a bola e não deu sequência às jogadas

YURI: 5,0
Acertou algumas jogadas e deu um chute perigoso, mas muito pouco. Levou cartão e não manteve o ritmo

LUCAS BARROS: sem nota
Entrou no fim

EDUARDO BARROCA: 4,5
A falta de qualidade do elenco fez diferença. Ficou sem opções para mudar o jogo. Deveria ter fechado o meio e colocado um time mais parrudo, em vez de lançar três jovens inexperientes juntos. Valia segurar o empate

Fonte: Redação FogãoNET