JEFFERSON: 5,0
Fez boas defesas durante o jogo, mas errou na saída de bola que terminou no gol do Atlético-GO. Não era hora de jogar curto. Após o empate, passou a fazer cera inexplicavelmente

LUIS RICARDO: 6,0
Ainda travado, tentou o jogo todo, marcou em seu setor e carregou a bola

MARCELO: 6,5
Muita firmeza e velocidade. Bons cortes

EMERSON SILVA: 4,5
Não fazia mal jogo, inclusive fazendo intervenções providencias, como em chute de Walter que entraria. Mas demorou horas para chutar a bola e bobeou no gol do Atlético-GO, lance capital

GILSON: 5,5
De bom, o cruzamento para o gol de Vinicius. Errou a escolha em diversas jogadas e perdeu gol fácil

DUDU CEARENSE: 4,5
Categoria em alguns lances, erros grosseiros em outros. Em um deles, saída de bola, saiu o gol do Atlético-GO. Tem dificuldades de acompanhar o ritmo do jogo

BRUNO SILVA: 5,0
Lento, displicente e disperso, nem sombra do jogador do início do Brasileiro.

FERNANDES: 4,0
Errou praticamente tudo no meio. Quando tem a chance, não parece sequer se esforçar para se manter

MARCOS VINICIUS: 5,5
Lucidez e força em algumas bolas, erros em outros. Ainda não está na melhor forma física e técnica

GUILHERME: 4,0
Irritou. Prendeu a bola, não tocou, chutou mal quase todas. Abusou do individualismo

VINICIUS TANQUE: 7,0
É atacante de definição. Sem muitos recursos técnicos, mas briga e finaliza. Fez seu gol. De resto, pouco participou

VICTOR LUIS: 5,5
Entrou e apenas marcou. No gol do Atlético-GO, quase evitou, mas se não tocasse a bola chegaria em Diego Rosa impedido

LEANDRINHO: 6,0
Tentou chamar o jogo, carregar e arriscar. Um chute perigoso

LUCAS CAMPOS: Sem nota
Pouco tempo na sua estreia

JAIR VENTURA: 6,0
Acertou ao colocar time reserva, que deveria desempenhar melhor futebol. Poderia povoar o meio e segurar o jogo após abrir o placar

Fonte: Redação FogãoNET