GATITO: 5,0
Pouco acionado no jogo, saiu mal e desnecessariamente no segundo gol do Barcelona

EMERSON: 5,0
Ofereceu um espaço generoso em suas costas no primeiro tempo, mas lutou muito e não se omitiu

CARLI: 4,0
Passou mal com a velocidade dos adversários. Falhou em um e foi mal em outro gol. Parece não estar 100%

EMERSON SILVA: 4,5
Um pouco melhor que o companheiro, também sofreu com as jogadas em velocidade. Salvou gol certo

VICTOR LUIS: 5,5
Foi consistente na defesa, brigador e dedicado no apoio

AIRTON: 6,0
Com a bola nos pés, excelente. Dribles, passes e construção de jogadas. Na marcação, foi firme, mas deixou muito espaço

JOÃO PAULO: 5,5
Guerreiro o jogo todo, não se entregou. Faltou agilidade com a bola em alguns lances e mais poder de marcação

CAMILO: 5,5
Com problema muscular, tentou de várias formas e deu passes que poderiam ser melhor aproveitados. Faltou capricho na finalização

GUILHERME: 5,5
Perdeu um gol feito e às vezes abusou do individualismo. Mas foi quem mais tentou no ataque

RODRIGO PIMPÃO: 5,0
Abaixo de outros jogos, correu, porém pouco produziu. Não foi efetivo

SASSÁ: 4,5
Como titular, decepcionou. Não levou vantagem sobre os rivais nem conseguiu espaço

MARCELO: 6,0
Melhorou a defesa com sua velocidade e poder de reação

ROGER: 5,0
Estranhamente escalado como segundo atacante (ou meia), teve dificuldades para se encontrar. Perdeu gol feito

FERNANDES: sem nota
Entrou no fim

JAIR VENTURA: 3,0
Mal na escalação ao colocar 3 atacantes e uma zaga lenta contra um time bom no contra-ataque. Pior nas substituições

Fonte: Redação FogãoNET