GATITO: 6,0
Sem culpa no gol, seguro no resto do jogo

MARCINHO: 5,5
Teve atuação regular, com empenho na marcação e apoio ao ataque. Foi vaiado após o gol, mas não comprometeu

GABRIEL: 6,5
Fez bom jogo, recuperando diversas bolas, brigando muito e até armando o jogo. Pode ter vacilado no gol do Juventude

MARCELO BENEVENUTO: 6,5
Outro que foi bem no geral, mas também bobeou no gol adversário

JONATHAN: 6,0
Jogou o feijão com arroz, sem aparecer muito no ataque. Cumpriu papel defensivo e fez bom corta-luz no lance do pênalti

ALEX SANTANA: 4,0
Sua pior atuação pelo Botafogo. Lento e enrolado, exagerou nas firulas, em vez de ser objetivo

CÍCERO: 5,0
Limitou-se a carimbar a bola no meio-campo e tocar para os lados. Muito pouco. Melhorou no segundo tempo por ter mais espaço

JOÃO PAULO: 3,0
Vinha bem no jogo, com lançamentos e finalizações, mas bobeou ao cair na catimba e ser expulso

RODRIGO PIMPÃO: 3,5
Um primeiro tempo péssimo, errando todas as jogadas e protagonizando lances bizarros. Melhorou no segundo, levou perigo em dois chutes e foi substituído

ERIK: 7,0
Mais uma vez o melhor do time, se movimentou, driblou, deu opção, sofreu pênalti e fez o gol

DIEGO SOUZA: 5,5
Espera-se muito mais dele. Paradão, foi presa fácil na maior parte do tempo. Mostrou lucidez em algumas jogadas e deu uma boa cabeçada defendida pelo goleiro

LUIZ FERNANDO: 6,5
Entrou de lateral-direito, arriscou jogadas e quase decidiu o jogo. Mas Kieza matou a jogada e perdeu gol fácil

KIEZA: 1,0
Não entrou mal no jogo. Brigou, disputou, participou de jogadas. Mas o gol que perdeu não existe. Gol feito, claro, sem goleiro, não podia isolar como isolou

BOCHECHA: 5,5
Entrou para tocar a bola e tentar achar espaços. Pouco tempo

ZÉ RICARDO: 3,0
Seu time teve muito tempo para treinar e não evoluiu. Pelo contrário. E as alterações foram todas estranhas, como Luiz Fernando na lateral e Bochecha de zagueiro

Fonte: Redação FogãoNET