Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Taça Rio

09/05/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Nova Iguaçu
NOV

X

Escudo Botafogo
BOT

Carioca

02/05/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

0

X

0

Escudo Nova Iguaçu
NOV

Carioca

25/04/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

4

X

0

Escudo Macaé
MAC

ATUAÇÕES FOGÃONET: Confira as notas dos jogadores do Botafogo contra o Mogi

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

JEFFERSON – 7,0
A segurança de sempre. Nas poucas vezes em que foi exigido, salvou o Botafogo.

LUIS RICARDO – 6,5
Apoiou bem, mas às vezes exagera na individualidade. É bom jogador.

RENAN FONSECA – 6,0
Quando jogou simples, não comprometeu.

ROGER CARVALHO – 7,0
Sistema defensivo do Botafogo melhorou muito após a efetivação dele como titular. Fez o gol da vitória.

DIEGO GIARETTA – 5,5
Restrito à defesa, desta vez não bobeou. É limitado. Recebeu o terceiro amarelo e não joga terça-feira, contra o Oeste.

SERGINHO – 6,5
Firme nas divididas, fez bem a proteção à defesa.

WILLIAN ARÃO – 7,5
Alvo de polêmica durante a semana, foi muito bem no jogo. Ditou o ritmo, distribuiu o jogo e foi eficiente nos desarmes. Enfiou a bola para Luis Henrique ser derrubado no lance que originou o último gol.

GUILHERME CAMACHO – 6,0
Com mais liberdade, se apresentou bem para ajudar na armação das jogadas. No segundo tempo, sumiu e foi substituído.

FERNANDES – 7,0
Entrou no lugar de Camacho e deu a bela assistência para o gol de Tomas.

DANIEL CARVALHO – 6,5
Errou alguns passes, mas foi o homem de criação e não se escondeu do jogo. Bateu o escanteio para o gol de Roger Carvalho.

TOMAS – 6,5
Entrou no lugar de Daniel Carvalho, cobrou um escanteio bisonho e fez o segundo gol do Botafogo.

LULINHA – 5,0
Participou muito pouco do jogo. Desperdiçou boa chance no início do segundo tempo. Foi corretamente substituído.

LUIS HENRIQUE – 7,0
Pedido pela torcida, entrou no lugar de Lulinha, sofreu um pênalti e converteu-o com cavadinha. Personalidade? Irresponsabilidade? Preferimos a primeira opção.

SASSÁ – 5,5
Herói contra Vitória e Paraná entrando no segundo tempo, foi titular e desperdiçou boas chances. Mas correu muito e deu opção.

RICARDO GOMES – 6,0
Armou um time com três volantes, mas viu o Botafogo abrir o placar logo no início e controlou o jogo. Acertou nas substituições.

Notícias relacionadas
Comentários