O presidente do Avaí, Francisco José Battistotti, voltou a falar sobre a possibilidade de saída de Alberto Valentim para o Botafogo. À Rádio Brasil, ele afirmou que a multa rescisória é de oito salários. Ao site “Globoesporte.com”, mudou para “três a quatro salários”.

O dirigente confirmou novamente que teve contato com o gerente de futebol do Botafogo, Anderson Barros, e não se opôs a conversar sobre o treinador.

– O Anderson Barros me ligou perguntando se podíamos conversar sobre o Valentim. Eu disse que não tinha problema algum. É só pagar a multa. Não é alta, acho que de três a quatro salários. O contrato dele vai até o fim do ano e já conversamos para uma possível renovação – afirmou Battistotti ao “Globoesporte.com”.

Alberto Valentim é um dos três nomes cotados para ser o novo técnico do Botafogo, ao lado de Jair Ventura e Enderson Moreira. Interino, o auxiliar técnico Bruno Lazaroni corre por fora para ser efetivado.

Vote na enquete abaixo:

Fonte: Redação FogãoNET e Globoesporte.com