Barcos está animado com a possibilidade de, nos próximos dias, deixar o Cruzeiro. O atacante argentino, contratado na temporada passada, negocia desde dezembro com o técnico Mano Menezes e com o presidente Itair Machado sua rescisão do contrato, que termina em julho deste ano.

Tudo porque Barcos entende que terá poucas oportunidades diante do concorrido ataque da Raposa, que ainda conta com Fred, Sassá e Raniel. A ideia de Barcos é permanecer no futebol brasileiro, apesar das melhores propostas serem do exterior, de países sem tanta tradição no futebol.

No futebol brasileiro, o principal interessado é o Botafogo. O grande problema é o salário de Barcos: US$ 100 mil, acima do teto salarial do Fogão.

Fonte: Blog do Jorge Nicola - Yahoo! Esportes