Ainda que o jogador tenha obtido na Justiça do Trabalho a liberação do clube carioca, em virtude de salários que não lhe foram pagos, o Botafogo recorreu da decisão e aguarda a sentença. O processo ainda corre em primeira instância. No Beira-Rio, porém, há pressa em contar com o autor de 12 gols no Brasileirão do ano passado – um a mais do que Vitinho, o artilheiro colorado no campeonato – e, sobretudo, temor com uma possível reversão botafoguense na Justiça.

Além disso, como há outros clubes interessados no atacante (como Grêmio e Corinthians, por exemplo), a direção do Inter já negocia com a do Botafogo a compra do jogar. Henrique Almeida custará cerca de R$ 6 milhões aos cofres colorados.

– O Botafogo não se pronunciará agora sobre esse caso. Mas o Inter já está negociando conosco, sim. Ainda não desistimos de manter o vínculo do Henrique. Mas para revendê-lo, pois ele não tem mais clima para jogar aqui, depois que recorreu à Justiça contra o clube – disse um dirigente do Botafogo, que pediu anonimato.

Fonte: Zero Hora