Em grande crise financeira, o Botafogo recorreu ao grupo de investimentos Elenko em janeiro para obter R$ 3 milhões, por empréstimo. O clube já sondou os investidores para tentar obter mais R$ 5 milhões. A forma de pagamento pode ser a cessão de parte de direitos econômicos de atletas.

O Botafogo deve dois meses de salários atrasados aos jogadores e um a funcionários. O clube tem até dia 8 para evitar que os jogadores cheguem a três meses de atraso e possam entrar na Justiça para sair.

Fonte: Redação FogãoNET