Após a festa e a classificação na Copa Sul-Americana na quinta-feira, o Botafogo voltou a decepcionar sua torcida e perdeu para o Atlético-MG por 3 a 0 na tarde deste domingo, no Estádio Nilton Santos, somando sua quarta partida seguida sem vitória no Campeonato Brasileiro. O Glorioso termina o primeiro turno com apenas 22 pontos, três acima da zona de rebaixamento, ocupando momentaneamente a 11ª colocação.

Com uma marcação apertada na frente e conseguindo bons desarmes, o Botafogo começou bem na partida, apesar de ter sofrido um susto num escanteio cobrado por Cazares. O goleiro Victor fez duas boas defesas, em finalizações de fora da área de Leo Valencia e Renatinho. Porém, a melhor chance foi do Galo: Ricardo Oliveira recebeu lançamento e saiu livre, mas chutou para fora na saída de Saulo.

Depois dos 25 minutos, a partida caiu um pouco de ritmo e também de qualidade, após um início bem animado. O Atlético-MG foi gostando do jogo e foi superior nos minutos finais, mas a primeira etapa terminou mesmo sem gols.

O Botafogo voltou com Rodrigo Pimpão no lugar de Renatinho no intervalo, mas o jogo não mudou muito de panorama. O Glorioso seguia tendo problemas para criar jogadas e errando muito. Aí, o Atlético-MG foi lá e abriu o placar. Luan, que acabara de entrar, fez ótima tabela com Matheus Galdezani e chutou sem chances de defesa para Saulo: 1 a 0, aos 16 minutos.

Zé Ricardo então foi ousado, colocando Brenner no lugar de Gustavo Bochecha, mas o Botafogo continuou cometendo erros em jogadas simples e não conseguiu produzir muita coisa. Assim, o Atlético-MG matou o jogo aos 35 minutos, numa rápida jogada de contra-ataque puxada por Chará que terminou no gol de Cazares: 2 a 0. Nos acréscimos, Tomás Andrade fechou a conta e fez 3 a 0, para merecidas vaias da torcida, preocupada e irritada.

Próximos jogos

O Botafogo volta a campo já na próxima quarta-feira para enfrentar o Palmeiras, às 21h, no Allianz Parque, em São Paulo, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro, abrindo o returno. Depois, no sábado seguinte, dia 25, o Fogão volta a jogar no Estádio Nilton Santos, também às 21h, contra o Sport.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 0 X 3 ATLÉTICO-MG

Local: Estádio Nilton Santos
Data-Hora: 19/8/2018 – 16h
Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza (SP)
Assistentes: Anderson José Coelho (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)
Renda e público: R $ 155.440,00 / 7.465 pagantes / 8.450 presentes
Cartões amarelos: Luiz Fernando e Rodrigo Pimpão (BOT); Matheus Galdezani, Zé Welison, Emerson e Victor (ATL)
Cartões vermelhos:
Gols: Luan 16’/2ºT (0-1), Cazares 35’/2ºT (0-2) e Thomás Andrade 45’/2ºT (0-3)

BOTAFOGO: Saulo; Luis Ricardo, Carli, Igor Rabello e Moisés; Gustavo Bochecha (Brenner 24’/2ºT), Rodrigo Lindoso (Marcelo Santos 26’/2ºT) e Leo Valencia; Renatinho (Rodrigo Pimpão – Intervalo), Luiz Fernando e Aguirre – Técnico: Zé Ricardo.

ATLÉTICO-MG: Victor; Emerson, Leonardo Silva, Igor Maidana e Fábio Santos; Zé Welison, Matheus Galdezani (Lucas Cândido 21’/2ºT), Nathan (Luan 13’/2ºT) e Cazares (Tomás Andrade 39’/2ºT); Chará e Ricardo Oliveira – Técnico: Thiago Larghi.

Fonte: Redação FogãoNET