AGORA SIM! NOS ACRÉSCIMOS, BOTAFOGO VENCE COM GOL DE TANQUE

Compartilhe:

Após a derrota vexatória para o Vitória há 10 dias, o Botafogo se redimiu com uma vitória na bacia das almas, para lavar a alma. Com gol de Vinicius Tanque aos 49 minutos do segundo tempo, o Glorioso venceu a Chapecoense por 2 a 1 de virada, nesta quarta-feira, no Estádio Nilton Santos, e abriu vantagem no G-7 do Campeonato Brasileiro, com 43 pontos.

O primeiro tempo foi sonolento. A Chapecoense jogou fechadinha e o Botafogo, apesar de ter o domínio completo da posse de bola, pouco ameaçou. A melhor chance foi aos 18 minutos, numa bola alçada na área: Jandrei saiu esquisito do gol e, na sobra, com o gol vazio, Bruno Silva chegou batendo junto com Igor Rabello e errou o alvo.

Brenner e Wellington Paulista - Botafogo x Chapecoense (FOTO: Vitor Silva/SSPress)

Brenner fez o gol de empate do Botafogo (FOTO: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

Na etapa final, o jogo seguiu o mesmo panorama: o Botafogo sem criatividade e a Chapecoense retraída. Porém, no primeiro lance de ataque do time visitante, o Fogão levou o gol, novamente em bola aérea, com Apodi, aos 14 minutos. Sorte que, sete minutos depois, o Glorioso reagiu: João Paulo cobrou falta, Carli tocou de cabeça e Brenner, também de cabeça, empatou.

Com o placar igual, o jogo voltou a ficar picotado pela Chapecoense, com o Botafogo encontrando dificuldades para construir jogadas perigosas. Mas, na base da raça, o Fogão foi lá e arrancou os três pontos. Aos 49 minutos, Rodrigo Pimpão cruzou da esquerda e Vinicius Tanque, que nunca criticamos, meteu a cabeça, decretando mais uma vitória alvinegra.

O que vem pela frente

Após dois jogos em casa, o Botafogo terá dois compromissos na condição de visitante. Sábado, às 19h, o Glorioso encara o Vasco da Gama no Maracanã, com carga de apenas 10% para sua torcida. Depois, na próxima quarta-feira, visita o Avaí, na Ressacada, às 21h45.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 2 X 1 CHAPECOENSE

Local: Estádio Nilton Santos
Data-Hora: 11/10/2017 – 19h30
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: José Eduardo Calza (RS) e Mauricio Coelho Silva Penna (RS)
Renda e público: R$ 106.390,00 / 6.548 pagantes / 7.613 presentes
Cartões amarelos: Matheus Fernandes (BOT); Apodi, Moisés Ribeiro e Douglas Grolli (CHP)
Cartões vermelhos:
Gols: Apodi 14’/2ºT (0-1), Brenner 21’/2ºT (1-1) e Vinicius Tanque 49’/2ºT (2-1)

BOTAFOGO: Gatito Fernández; Arnaldo, Carli, Igor Rabello e Victor Luis; Bruno Silva, Rodrigo Lindoso, Matheus Fernandes (Marcos Vinicius 13’/2ºT) e João Paulo; Guilherme (Rodrigo Pimpão 20’/2ºT) e Brenner (Vinicius Tanque 32’/2ºT) – Técnico: Jair Ventura.

CHAPECOENSE: Jandrei; Apodi, Douglas Grolli, Fabrício Bruno e Reinaldo; Canteros, Moisés Ribeiro (Elicarlos 40’/2ºT) e Lucas Mineiro; Alan Ruschel (Penilla 15’/2ºT), Wellington Paulista e Túlio de Melo – Técnico: Emerson Cris.

Fonte: Redação FogãoNET

Comentários