O Botafogo teve nesta semana uma primeira conversa, ainda que de forma informal, com o empresário Cláudio Guadagno, que cuida das carreiras dos volantes Renato e Airton. Segundo o site Globoesporte.com, há chance de os dois permaneceram após a Copa do Mundo, mesmo com seus contratos encerrando em junho.

O aproveitamento dos dois vai depender dos planos do técnico Vagner Mancini. De qualquer maneira, para continuar com Renato, o volante teria de aceitar uma redução do seu salário, hoje fora da realidade financeira do clube. Em relação a Airton, o Botafogo teria de conversar com o Benfica, que o emprestou ao Internacional até junho.

Fonte: Redação FogãoNET