A saída de Luis Henrique deixou como saldo no Botafogo 35% dos direitos econômicos, 5% de uma futura venda para o exterior (mecanismo de solidariedade) e uma economia de R$ 500 mil entre salários e encargos. A informação é do site “Lancenet!”.

Além disso, segundo o site “Globoesporte.com”, para liberar imediatamente Luis Henrique, o Botafogo pediu ao Atlético-PR prioridade para o retorno, caso o atacante deixe de fazer parte dos planos do clube paranaense. Ele tinha salários de cerca de R$ 70 mil e multa rescisória de R$ 60 milhões.

Fonte: Lancenet! e Globoesporte.com