O Botafogo conquistou neste sábado mais um importante resultado na briga para chegar à Libertadores-2017. Atuando quase que fora de casa, devido à limitação de ingressos para os alvinegros, o Glorioso empatou em 0 a 0 com o Flamengo, se garantiu mais uma rodada na quinta colocação e, de quebra, praticamente tirou as chances de título de seu maior rival.

Com um esquema mais defensivo, com três volantes, o Botafogo adotou como estratégia se fechar para sair nos contra-ataques. Depois de levar sufoco nos 20 minutos iniciais, conseguiu equilibrar as ações e fez um confronto equilibrado diante de um adversário que precisava desesperadamente da vitória.

Pimpão disputa jogada com Márcio Araújo (FOTO: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)Pimpão disputa jogada com Márcio Araújo (FOTO: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

Logo no início do segundo tempo o Botafogo teve duas grandes chances. Logo aos 11 segundos, Neilton obrigou Alex Muralha a fazer grande defesa. Aos quatro minutos, Alemão cruzou para Rodrigo Pimpão, que apareceu entre os dois zagueiros e cabeceou tirando tinta da trave direita. Mas a melhor delas foi aos 47: Pimpão saiu sozinho na frente de Muralha, em velocidade, mas chutou à direita. Poderia ter decretado a vitória.

A verdade é que o Botafogo conseguiu se portar bem defensivamente e conquistou mais um pontinho, alcançando assim o sétimo jogo sem perder. Com 55 pontos na tabela e em quinto lugar, o Fogão volta a campo apenas no próximo dia 16, daqui a 11 dias, para receber a Chapecoense, na Arena Botafogo.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 0 X 0 BOTAFOGO

Local: Maracanã
Data-Hora: 5/11/2016 – 17h
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Assistentes: Kleber Lucio Gil (Fifa/SC) e Fabrício Vilarinho (Fifa/GO)
Renda e público: R$ 2.408.689,00 / 44.388 pagantes / 44.388 presentes
Cartões amarelos: Réver, Rafael Vaz e Emerson Sheik (FLA); Airton, Victor Luis e Sassá (BOT)
Cartões vermelhos:
Gols:

FLAMENGO: Alex Muralha; Pará, Réver, Rafael Vaz e Jorge; Márcio Araújo, Willian Arão (Leandro Damião 38’/2ºT) e Diego; Fernandinho (Emerson Sheik 30’/2ºT), Gabriel (Marcelo Cirino 25’/2ºT) e Guerrero – Técnico: Zé Ricardo.

BOTAFOGO: Sidão; Alemão, Carli, Emerson e Victor Luis (Núñez 42’/2ºT); Airton (Diogo Barbosa 28’/2ºT), Bruno Silva, Rodrigo Lindoso e Camilo; Neilton (Sassá 37’/2ºT) e Rodrigo Pimpão – Técnico: Jair Ventura.

Fonte: Redação FogãoNET