O Botafogo sabe o que quer no mercado da bola. Willian Pottker e Neílton, ambos sem espaço no Internacional, são os alvos definidos pela diretoria de General Severiano. O problema é que o Colorado não tem, no momento, intenção de liberar a dupla. A situação, no entanto, pode mudar. O Alvinegro vai esperar até o último instante.

Os cariocas, inclusive, achavam que a situação poderia mudar nessa semana, após a eliminação do Internacional na Libertadores – o time caiu para o Flamengo na última quarta. Porém, nada disso aconteceu. O Colorado segue irredutível. Não quer liberar os atletas pois podem ser uteis em fase decisiva da Copa do Brasil.

O Internacional tem grandes perspectivas na competição. O time venceu o Cruzeiro por 1 a 0, em Minas, e agora recebe os mineiros no Beira-Rio com grande vantagem para avançar à final – possivelmente contra o rival Grêmio, que venceu o Athlético-PR por 2 a 0 na outra chave.

Mesmo com a dificuldade, o Alvinegro não pensa em apostar em outros reforços. Isso quer dizer que os cariocas terão até o dia 27 para convencer os gaúchos — esse é o prazo para inscrição no Campeonato Brasileiro.

Além da dupla, o Botafogo quer também mais um centroavante. A diretoria negocia com um atleta experiente e espera anunciá-lo ainda nesta semana. Victor Rangel e Vinicius Tanque não mostraram qualidade suficiente para ser alternativa a Diego Souza no comando do ataque.

Esse é um desejo de Barroca desde que assumiu ao Botafogo. Victor Rangel foi contratado, mas não tem atendido às expectativas. O desejo é pela chegada de um atleta mais experiente e que chegue para jogar.

Fonte: UOL