O atacante Brenner não deve continuar no Botafogo na próxima temporada. Artilheiro da equipe no ano, com 10 gols, o atacante não teve o pedido de renovação de empréstimo enviado pelo Glorioso ao Internacional, clube que detém os direitos federativos do jogador. Assim, o jogador deve voltar ao Colorado na próxima temporada.

Apesar de ser o artilheiro da equipe no ano, a concorrência com outros atacantes pode ter esfriado a renovação do empréstimo de Brenner. Contratados nesta temporada, Kieza e Rodrigo Aguirre foram investimentos altos para as pretensões financeiras do Botafogo. Logo depois de sofrer com problemas de atrasos de salários, em 2018, liberar o atacante, daria um certo desafogo financeiro ao clube.

Artilheiro no ano, Brenner sofre com concorrência

Emprestado em julho do ano passado, Brenner se tornou titular do Botafogo, logo depois que o então Camisa 9 alvinegro Roger foi diagnosticado com um tumor benigno no rim direito. Com seis gols nos primeiros 18 jogos, o atacante se consolidou no time titular. Mas, com a chegada de 2018, Brenner viu a concorrência crescer no ataque do Glorioso.

Artilheiro do Botafogo no Campeonato Carioca, com seis gols, Brenner nunca foi o dono da Camisa 9. Contratado durante o Estadual, Kieza tomou a posição no Campeonato Brasileiro. Além disso, a chegada de Rodrigo Aguirre, contratado à peso de ouro por um dos patrocinadores do clube, também fez com que o ex-Internacional perdesse espaço.

Mas, com a lesão de Kieza e o rendimento ruim de Aguirre, Brenner voltou a ganhar oportunidades no time titular. Com dois gols nos últimos sete jogos, o atacante voltou a receber o carinho da torcida. Além disso, o rendimento aumentou as expectativas para uma possível renovação de empréstimo.

Entretanto, o Botafogo não encaminhou o pedido de renovação do empréstimo de Brenner ao Internacional. Assim, o atacante deve voltar ao Colorado na próxima temporada. A expectativa é de que o jogador seja novamente negociado pelo clube gaúcho.

Com muitos atacantes no elenco, Brenner não teria espaço para jogar. Com sondagens do mundo árabe desde o fim do ano passado, o Internacional deve abrir conversas logo depois da volta do jogador ao Rio Grande do Sul.

Fonte: Esporte 24 Horas