A 7ª Câmara Cível do Rio suspendeu a liminar que autorizava arresto de R$ 1.430.800,00 nas contas do Botafogo. A grana é cobrada pelo Niterói Futebol Clube por causa da venda do zagueiro Doria para o Olympique de Marseille. O pedido de suspensão da liminar foi feito pelo clube carioca.

Em seu voto, desembargador relator Luciano Saboia Rinaldi de Carvalho explica que o Niterói não apresentou provas suficientes de que detém direitos sobre 40% do passe do zagueiro e desta forma não poderia haver a concessão da liminar.

Fonte: Blog do Ancelmo Gois - O Globo Online