O Botafogo vive uma grave crise financeira. Como se já não bastasse o momento ruim, o clube terá que pagar R$ 600 mil ao lateral esquerdo Julio César, que hoje está no Vasco. Demitido no ano passado, o jogador foi incluído no Ato Trabalhista e irá receber o montante do clube carioca.

Em 2014, o presidente Maurício Assumpção mandou embora, além do lateral vascaíno, Edílson, que hoje está no Corinthians, Bolívar, que estava na Portuguesa, e Emerson Sheik, que veste a camisa do Flamengo atualmente. Para alguns torcedores, esta medida confirmou o rebaixamento do clube para a Série B.

Cerca de R$ 1,2 milhão são destinados mensalmente para saldar dívidas semelhantes. Assim, Julio César terá que esperar sua vez de receber, já que a fila de pagamento é grande. Jogadores como Lucas e Gabriel, que estão no Palmeiras, também esperam receber o que o Glorioso deve.

Fonte: Esporte Interativo