O Botafogo está na expectativa para o julgamento do Ato Trabalhista no Tribunal Regional do Trabalho. Previsto para o próximo dia 6 de novembro, o julgamento proporcionará o parcelamento das dívidas trabalhistas do Bota, caso a decisão seja favorável ao clube.

O caso não estava na pauta do TRT/RJ desta quinta-feira, mas o clube entende que haverá tempo hábil para isso. A decisão não terá efeito imediato e se o Bota não for incluído no Ato, poderá recorrer e fará isso, caso necessário.

Se a decisão for favorável, o clube será incluído no Ato Trabalhista apenas em 2015. Recentemente, o Botafogo consegui um parecer favorável do Ministério Público do Trabalho.

“Para o Botafogo seria muito bom ser incluído no Ato Trabalhista neste momento e ainda melhor para os credores. O Ato não serve para favorecer o devedor, e sim para encontrar uma forma para que ele possa pagar os credores. Assim, o clube poderia mensalmente ir quitando suas dívidas trabalhistas”, afirmou Alberto Macedo, vice-presidente jurídico do Botafogo.

Fonte: Futnet