O volante William Arão, do Botafogo, estaria sendo sondado por equipes da Série A do Brasileirão, como o Cruzeiro e o Flamengo. Através do gerente de futebol Antônio Lopes, o clube irá se reunir com o pai do jogador, que é seu representante, na quarta ou quinta-feira para conversar acerca da situação. A intenção do Alvinegro é exercer a opção de renovação de contrato, com vínculo até 2017. O valor seria menor que os 500 mil dólares da multa rescisória do atacante Pimpão.

Em exclusiva à Rádio Tupi, o presidente Carlos Eduardo Pereira explicou a posição do clube.

“Reitero a posição do Botafogo no sentido de que o Arão tem um contrato com o o clube. Temos a opção de renovação desse contrato, com o valor inclusive determinado. O Bota vai exercer essa opção. Qualquer coisa diferente disso vai demandar alguma outra negociação. Da parte do Botafogo, temos o total interesse de que o atleta permaneça no clube até 2017. O Lopes está negociando. Quem trata diretamente é o pai dele. Nossas expectativas é de que ele venha aqui na quarta ou na quinta pra conversar com o Lopes pra gente bater o martelo”, disse.

Enquanto isso, o Botafogo volta a campo na sexta-feira para enfrentar o CRB em Maceió, às 21h. No último domingo, a equipe foi derrotada pelo Paysandu no Nilton Santos por 3 a 2 e perdeu a oportunidade de retornar à liderança da segundona nacional.

Fonte: Super Rádio Tupi