Apesar de não admitir publicamente, o Botafogo tem interesse em negociar o volante Renato, de 34 anos. Contudo, os dirigentes reconhecem que é difícil encontrar um clube para o jogador, pelo alto salário – o segundo maior do elenco e atrás apenas de Seedorf – e pela idade. Os cartolas alvinegros desejavam ter resolvido essa situação ainda em 2013.

Recentemente, o camisa 8 foi oferecido a Palmeiras e Santos, onde atuou entre 2000 e 2004. Porém, os paulistas não se interessaram no jogador. Depois das recusas, outro clube da Série A do Campeonato Brasileiro surgiu como uma possibilidade para Renato. Mas qualquer negociação depende da vontade do jogador, que vai decidir se sai ou se cumpre o contrato – que acaba em 30 de junho de 2014.

Mesmo com a vontade do clube de liberar o jogador para aliviar a folha salarial, internamente a saída é conduzida de forma respeitosa, para não criar um atrito com o volante, que é querido por todos no Alvinegro.

A intenção da diretoria é tão clara que foram contratados três volantes (Airton e Rodrigo Souto, que já foram apresentados, e Bolatti, que resolve as últimas pendências) no início deste ano, aumentando para nove o número de jogadores nessa posição. Somados os salários dos três reforços, não chega aos vencimentos do camisa 8.

Renato chegou a General Severiano em junho de 2011, após passagem vitoriosa de sete temporadas pelo Sevilla (ESP). No futebol europeu, ele conquistou duas Copas da UEFA (atual Liga Europa), duas Copas do Rei, uma Supercopa da Europa e uma Supercopa da Espanha.

Fonte: Lancenet!