Enquanto a Justiça do Trabalho não resolve a situação do atacante Henrique Almeida, que colocou o Botafogo na justiça, o Botafogo se antecipou ao prazo concedido por lei para apresentar seus esclarecimentos no caso. De acordo com o VP Jurídico do Botafogo, Domingos Fleury, em conversa exclusiva com a Rádio Botafogo Oficial, o Botafogo já pagou o fundo de garantia do atleta, e espera que até segunda-feira (18), a situação seja resolvida.

“Com relação ao processo do Henrique Almeida, a situação atual é a seguinte, o Botafogo se antecipou ao prazo concedido por lei para apresentar seus esclarecimentos. Preparou uma petição em caráter de urgência, e anexou a essa petição a documentação que prova que o fundo de garantia do atleta está rigorosamente em dia. Ou seja, o fundo de garantia do atleta foi pago espontaneamente pelo Botafogo, antes dele receber a citação oficial da Justiça do Trabalho. Então, nós acreditamos que o juízo ao tomar conhecimento que o fundo de garantia está pago, e considerando ainda que esse fundo de garantia não é um valor que o atleta recebe todo mês, e, portanto não precisa desse valor para pagamento de suas despesas mensais. Portanto, já está 100% regularizado esse débito e nós estamos confiantes que vamos reverter a decisão, conforme ficou determinado pelo próprio juízo. Quem sabe, até a próxima segunda-feira, nós botafoguenses teremos uma boa notícia”, disse Fleury.

Henrique Almeida atuou pelo Coritiba em 2015, mas ainda pertence ao Botafogo. No elenco do Fogão, atualmente, o técnico Ricardo Gomes conta com Neilton e Luis Henrique para o setor ofensivo. O atacante Ribamar, do sub-20, vem treinando bem no time profissional, tendo marcado vários gols no coletivo desta sexta-feira (15), no China Park, em Domingos Martins.

Fonte: Rádio Botafogo Oficial