Com tranquilidade, o Botafogo derrotou o Sol de América (PAR) por 4 a 0 nesta quarta-feira, no Estádio Nilton Santos, e confirmou a classificação para enfrentar o Atlético-MG nas oitavas de final da Copa Sul-Americana. O Glorioso tem quatro vitórias em quatro jogos nesta edição da competição e ainda não sofreu gols.

Depois de ter perdido o primeiro jogo, no Paraguai, por 1 a 0, o Sol de América veio com a estratégia de marcar a saída de bola do Botafogo e tentar impor uma pressão. Mas não conseguiu. Logo aos 7 minutos, João Paulo cobrou escanteio, Cícero testou bonito e abriu o placar para a equipe alvinegra.

Com uma vantagem ainda maior no placar agregado, o Botafogo neutralizou as investidas do Sol de América e aproveitou os espaços deixados nos contra-ataques. Gilson desperdiçou grande chance de ampliar, aos 20. Mas, aos 27, o Fogão fez o segundo: Diego Souza arrancou da intermediária e serviu Luiz Fernando para anotar 2 a 0.

Na segunda etapa, o Botafogo fez o terceiro logo aos 7 minutos, e um gol para lá de especial: Gustavo Bochecha fez o seu primeiro como profissional, completando a jogada de Gilson. O panorama do jogo seguiu o mesmo: muitos espaços para o Fogão contra-golpear.

Ainda teve tempo para Diego Souza se redimir depois de perder uma ótima chance, sozinho. Aos 27, Erik saiu livre e preferiu servir o centroavante, que fechou a conta em 4 a 0. Aí foi só esperar o relógio passar, com direito a gritos de “olé” e tudo da torcida alvinegra.

Próximos jogos

Classificado, o Botafogo enfrentará o Atlético-MG nas oitavas de final da Copa Sul-Americana, primeiro no Rio e depois em Belo Horizonte, mas apenas em julho. O próximo compromisso do Glorioso será pelo Campeonato Brasileiro: o clássico contra o Vasco da Gama, domingo, às 11h, no Estádio Nilton Santos.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 4 X 0 SOL DE AMÉRICA

Estádio: Nilton Santos
Data/Hora: 29/05/2019 – 19h15
Árbitro: Esteban Ostojich (URU)
Assistentes: Nicolás Taran (URU) e Gabriel Popovits (URU)
Renda e público: R$ 352.526,00 / 13.543 pagantes / 15.386 presentes
Cartões amarelos: Franco e Salcedo (SOL)
Cartões vermelhos:
Gols: Cícero 7’/1°T (1-0), Luiz Fernando 28’/1°T (2-0), Gustavo Bochecha 7’/2°T (3-0), Diego Souza 27’/2°T (4-0)

BOTAFOGO: Gatito Fernández; Fernando, Carli, Gabriel e Gilson; Alex Santana (Gustavo Bochecha 38’/1°T), Cícero e João Paulo; Erik, Diego Souza (Igor Cássio 28’/2°T) e Luiz Fernando (Lucas Barros 28’/2°T) – Técnico: Eduardo Barroca.

SOL DE AMÉRICA: Escobar; Villalba, Portillo, Acuña e Clar (Vera 28’/2°T); Jourdan, Franco, Ferreira e Otazú; Villagra (Salcedo 42’/2°T) e Ruiz Díaz (Giménez 11’/2°T) – Técnico: Javier Sanguinetti.

Fonte: Redação FogãoNET