Desprestigiado no São Paulo, Diego Souza está próximo de trocar de casa. O Botafogo quer o jogador, e o atleta também gostaria de defender o Alvinegro. As partes conversaram e chegaram a um acordo. Agora, a diretoria de General Severiano abrirá conversas com a do Morumbi para viabilizar um acordo.

Diego Souza tem contrato com o São Paulo até o fim do ano e um salário considerado alto para um jogador que tem sido pouco aproveitado – R$ 600 mil. Na reserva de Pablo, ele quer jogar e chegaria com status de titular absoluto no Botafogo, que ofereceu a possibilidade de ter um contrato longo.

Inicialmente, o São Paulo estava satisfeito em aliviar a folha salarial com a saída de Diego Souza. Porém, a diretoria espera ter alguma compensação financeira na negociação. Isso porque o clube investiu R$ 10 milhões no atleta em 2018.

Portanto, o Tricolor fará jogo duro para liberar Diego Souza. Um exemplo foi a negociação com o Sport, a quem o São Paulo ainda deve R$ 3 milhões. Os pernambucanos propuseram zerar a dívida, mas os paulistas recusaram e encerraram as negociações.

Sem espaço no São Paulo, Diego Souza vê seu futuro nas mãos dos dirigentes do Morumbi. O jogador já tem acerto com o Botafogo e dependerá do relacionamento entre os clubes para voltar a jogar regularmente como tanto deseja.

Fonte: UOL