Bruno Mendes faz acordo na Justiça e ficará sem clube no fim da temporada

Compartilhe:

Uma das batalhas travadas pelo atacante Bruno Mendes, atualmente no Botafogo, nesta temporada foi superada nesta segunda-feira. Em Macaé, o jogador participou de uma audiência conciliatória para resolver pendências com o grupo HAZ Sports, que o vinculou ao Macaé depois de sua conturbada saída do Guarani. Um acordo foi selado e em 30 dias ele será homologado.

Com o acordo, Bruno Mendes receberá parte do valor pedido na ação, que corre na 1ª Vara do Trabalho de Macaé. Seu contrato com o clube iria até setembro de 2017, mas já há um acordo de liberação, negociado por seu atual empresário Juan Figer e o antigo Gustavo Arribas, sócio do HAZ.

A alegação principal era de quebra de confiança, fruto de uma procuração entregue a advogados que defendem o clube, a qual o jogador dizia não ter assinado. O Macaé também será retirado de uma ação que tramita em Campinas e cobra R$ 2.522.751,32 dos responsáveis pela negociação (Guarani e a empresa Ardizzoni Consultoria). Haverá uma reunião na próxima semana sobre o caso em São Paulo. Há uma audiência marcada para 20 de fevereiro de 2014.

O empréstimo de Bruno Mendes ao Botafogo termina no fim do ano e não há expectativa de renovação no momento. O clube carioca o contratou sem custos e não qualquer participação nos seus direitos econômicos. Ele não vem sendo utilizado pelo técnico Oswaldo de Oliveira apesar de ter ficado no banco de reservas na derrota para o Goiás, domingo, no Serra Dourada.

Fonte: Globoesporte.com

Comentários