No meio do processo de renovação do elenco para a temporada 2014, o Botafogo detectou a necessidade de contratar um apoiador. E, sem condições de realizar um alto investimento, a diretoria utilizará o volante Marcelo Mattos como moeda de troca para conseguir um meia.

Os dirigentes do Glorioso estão mapeando o mercado do futebol brasileiro para achar este jogador. Como a ordem no clube é reduzir os custos com a folha salarial, a busca é por um jogador que receba menos do que Mattos, que tem vencimentos considerados altos. E justamente por isso, e pelo contrato longo – até o dia 30 de junho de 2016 –, o departamento de futebol alvinegro quer uma troca de forma definitiva.

A busca por um meia é a forma de se prevenir de uma possível saída de Hyuri, que está emprestado pelo Audax-RJ até o dia 31 de maio de 2014, com opção de compra no valor de R$ 900 mil por 60% dos direitos econômicos do camisa 17.

Recentemente, a relação de Marcelo Mattos com a torcida foi abalada. Após o empate em 0 a 0 com a Portuguesa, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro, torcedores pediram a saída dele do time. E, no desembarque da delegação após a derrota para o Internacional, em Porto Alegre, o jogador foi acusado de criticar a torcida, algo que foi negado por ele.

O camisa 5 chegou a General Severiano em meados de 2010 e, desde então, disputou 144 jogos pelo clube, marcando apenas um gol.

Fonte: Lancenet!