Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

X

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Campeonato Carioca

10/04/21 às 21:05 - Raulino de Oliveira

Escudo Volta Redonda
VRE

2

X

2

Escudo Botafogo
BOT

CBF dá o OK, mas Botafogo recorre ao STJD para Jobson pegar o Palmeiras

0 comentários

Compartilhe

A CBF respondeu nesta segunda-feira o ofício enviado pelo Botafogo na última semana sobre a situação de Jobson, suspenso pro quatro anos pela Federação da Arábia Saudita por se recusar fazer um teste antidoping quando defendia o Al-Ittihad. No documento, a entidade máxima do futebol brasileiro afirma que a Fifa não reconhece a punição ao atacante, o que o deixa em condições de atuar pelo Alvinegro.

Entretanto, o Botafogo não achou a resposta da CBF clara o suficiente e entrará nesta terça-feira com uma liminar no STJD com o objetivo de se precaver de uma possível punição futura. O Alvinegro queria uma permissão por escrito, o que não ocorreu. O otimismo toma conta do clube de General Severiano, que espera contar com Jobson diante do Palmeiras, nesta quarta-feira, no Maracanã.

Segundo fontes ligada ao jogador, o Botafogo tomou uma atitude extremamente cautelosa, já que o documento da CBF já era o suficiente para que Jobson pudesse entrar em campo normalmente com o Palmeiras. Por conta do momento conturbado, o Alvinegro preferiu não se afobar e piorar aida mais a situação do clube.

Jobson se recusou a fazer um teste antidoping quando defendia o Al-Ittihad, da Arábia Saudita. Ele havia sido afastado pela diretoria por ter salário alto e estava no hotel quando um suposto funcionário da federação saudita, que só falava árabe, o intimou a ser testado. Ele foi suspenso por quatro anos pelos árabes, que demoraram a liberar seu retorno ao Brasil.

De volta ao Botafogo, ele passou a treinar com jogadores fora dos planos. A Portuguesa se interessou e entrou em contato para trazer o atacante. Neste momento, o Alvinegro cedeu a um pedido do técnico Vagner Mancini e decidiu por reintegrar o atleta. Ele se destacou nos treinamentos e logo passou a ser opção para os jogos.

Relacionado para enfrentar o Goiás, Jobson teve sua expectativa frustrada quando já fazia o aquecimento no vestiário do Maracanã. A CBF aconselhou o Botafogo a não relacionar o atacante por conta dessa polêmica, o que foi acatado pelo clube. O atacante tem treinado normalmente e espera o fim da novela para retornar aos gramados.

Comentários