Coluna: ‘Botafogo é muito maior do que Vitinho e imprensa’

Compartilhe:

A torcida do Botafogo tem exagerado nos últimos dias. Seja pro bem ou pro mal, tudo tem sido superdimensionado, algo compreensível para um clube tão carente de grandes conquistas. O último exagero diz respeito à venda de Vitinho. Bastou a negociação ser anunciada para que uma onda de pessimismo e raiva tomasse conta das redes sociais. Logo, o sentimento de que tudo está perdido tomou conta dos alvinegros. “Acabou o sonho do título brasileiro”. Foi esta a sensação do torcedor.

Até poderia entender esta reação se o jogador em questão fosse Seedorf. Mas Vitinho nada mais é do que uma promessa, um jogador de 19 anos que fez, no máximo, dez boas atuações na carreira profissional. Um candidato a revelação do Brasileirão, mas não a craque. Um garoto talentoso, mas que começou o campeonato na reserva.

Não dá para culpar o Botafogo, já que bastava depositar os R$ 31 milhões para levar o jogador. Não dá para culpar Vitinho, um jovem humilde que não sabe se terá outra oportunidade financeira tão boa na carreira. Culpem o mercado do futebol.

O exagero alvinegro já havia se manifestado com otimismo pela boa campanha. Mas esta é a função do torcedor. Se ele não acreditar, quem vai? O problema é quando este mesmo torcedor se julga perseguido e vê conspiração. Quando o problema de levar gol no fim dos jogos recebe a manchete “triste rotina” há má vontade da imprensa. Quando histórias de bastidores de Seedorf com o elenco são reveladas, é invenção.

Chega de complexo de inferioridade! O Botafogo é muito maior do que Vitinho. É muito maior do que  a imprensa. E está vivo na briga por títulos. Acreditem ou não.



Fonte: Coluna do Flávio Garcia - Lance!
Comentários