Os quatro candidatos à presidência do Botafogo têm em comum o desejo de manter o goleiro Jefferson no clube, pelo menos, até o fim de 2015, quando encerrará o contrato do jogador. O problema será convencer o titular da seleção a permanecer em General Severiano por mais uma temporada, independentemente do rebaixamento ou não para a Série B.

Fonte: Coluna Panorama Esportivo - O Globo