COM GOL DE BOLATTI, BOTAFOGO VENCE O CORITIBA E SE AFASTA DA ZONA

Compartilhe:

Mesmo com desfalques importantes – como Emerson Sheik e Carlos Alberto –, o Botafogo prevaleceu em jogo equilibrado com o Coritiba dentro de casa e venceu por 1 a 0. Na noite deste sábado, a equipe do técnico Vagner Mancini abriu o placar logo aos 11min, com Bolatti, e controlou o time adversário para chegar aos 12 pontos e aliviar a pressão da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

O Coritiba, por sua vez, se vê em situação ainda mais complicada na degola. Com 7 pontos e na antepenúltima colocação, o Coxa pode terminar a rodada na lanterna. Flamengo e Vitória jogam neste domingo e podem passar o time paranaense na tabela até mesmo com empates.

Aliviado pelo triunfo em Volta Redonda, o Botafogo ocupa a 13ª colocação do Brasileiro. O clube alvinegro tem a semana livre para se preparar para o clássico com o Flamengo.

O Coritiba teve a primeira chance logo no início. Com menos de 20 segundos de jogo, Alex cavou falta na entrada da área. O próprio camisa 10 fez a cobrança e obrigou Jefferson a fazer grande defesa. Passado o susto, o Botafogo se organizou em campo e passou a tomar a iniciativa e ter maior posse de bola.

O resultado veio aos 11min. Wallyson fez boa cobrança de escanteio e encontrou Bolatti na área. Mesmo marcado e agarrado, o volante argentino escorou a bola e marcou 1 a 0 para o Botafogo.

Em vantagem, o Alvinegro mudou a estratégia e passou a esperar o Coritiba. Os visitantes tiveram maior posse de bola durante o restante do primeiro tempo, mas não ameaçaram Jefferson. O Botafogo teve oportunidades no contra-ataque, mas não aproveitou os espaços.

Vagner Mancini tomou medida para reforçar o sistema defensivo e, durante o intervalo, trocou o meia-atacante Daniel pelo volante Gabriel. Celso Roth respondeu aos 8min do segundo tempo com a entrada do atacante Elber. As mudanças não mudaram a cara da partida.

O Botafogo seguia firme na defesa e marcava de perto o principal nome do Coritiba: Alex. O Coxa ensaiava pressão, tinha a bola nos pés e tentava atacar, mas era desorganizado e ineficiente nas finalizações de longa distância.

Em um segundo tempo morno, o Botafogo – mesmo inofensivo no ataque – conseguiu achar um pênalti em lance duvidoso com Gabriel. Zeballos cobrou a penalidade aos 34min, mas Vanderlei fez a defesa. O lance animou o Coritiba, que foi para cima. Mas o Alvinegro se defendeu bem para garantir a vitória pelo placar mínimo e ganhar alívio no Brasileirão.

BOTAFOGO 1 X 0 CORITIBA

Local: Estádio Raulino de Oliveira, Volta Redonda (RJ)
Data-hora: 19/7/2014, às 21h00 (horário de Brasília)
Árbitro: Nielson Nogueira Dias (PE)
Auxiliares: Clovis Amaral da Silva (PE) e Albino Andrade Albert Junior (PE)
Público: 1.271 pagantes
Cartões amarelos: Junior Cesar e Lucas (Botafogo) e Luccas Claro (Coritiba)
Gol: Bolatti, aos 11min do primeiro tempo, para o Botafogo

BOTAFOGO
Jefferson; Lucas, Bolívar, Dória e Júnior César; Airton (Rodrigo Souto), Bolatti, Wallyson e Daniel (Gabriel); Zeballos e Yuri Mamite (Gegê)
Técnico: Vágner Mancini

CORITIBA
Vanderlei, Norberto, Luccas Claro, Welinton e Dener; Chico, Germano (Martinuccio), Gil (Elber), Robinho (Geraldo) e Alex; Zé Love
Técnico: Celso Roth

Fonte: UOL

Comentários