Daniel foi o destaque da goleada, com três gols (FOTO: SSPress)

Daniel foi o destaque da goleada, com três gols (FOTO: SSPress)

Com shows de Emerson Sheik e do jovem Daniel, o Botafogo goleou o Criciúma por 6 a 0 no Maracanã e conseguiu sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro após quatro rodadas. O atacante veterano marcou os dois primeiros gols do Alvinegro, enquanto a promessa do time de General Severiano balançou as redes em três oportunidades, uma delas um golaço em jogada individual. Wallyson fechou o placar do confronto.

A vitória tira o Botafogo da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. O Alvinegro agora está com quatro pontos. na nona posição. O time de General Severiano ultrapassou o próprio Criciúma na tabela e até mesmo o rival Flamengo, que ocupava a nona colocação ao começo da rodada.

Com pouco público e clima frio no Rio de Janeiro, o jogo começou lento no Maracanã. O Botafogo dominava a posse de bola, mas era pouco vibrante em campo. Enquanto isso, o Criciúma até se aventurava no ataque, mas era ainda menos perigoso e se mostrava previsível.

O Botafogo, por sua vez, levava perigo apenas com chutes de fora da área, principalmente por causa da clara insegurança do goleiro Gallato, que mostrava dificuldades para segurar os arremates. Logo nos minutos iniciais, o arqueiro soltou chutes de Daniel e Edilson, mas a zaga conseguiu aliviar. Pouco depois, aos 7min, foi a vez de Emerson Sheik acertar uma bomba no travessão.

Mesmo com as chances criadas em arremates de fora da área pelo Botafogo, a partida era fria, com pouca emoção. Tanto é que apenas aos 22min o Alvinegro teria outra chance, mas desta vez não desperdiçaria. Após falha clara da defesa do Criciúma, Sheik recebeu cruzamento de Bollati livre na grande área e teve o trabalho só de encher o pé e mandar para o fundo da rede e abrir o placar.

O gol trouxe tranquilidade para o Botafogo, mas não uma melhor atuação antes do intervalo. O Alvinegro e o Criciúma fizeram uma segunda metade de etapa inicial sem maiores emoções. A partida melhoraria apenas no começo do tempo complementar, com o time de General Severiano mais objetivo.

A superioridade alvinegra no segundo tempo não demoraria muito para ser comprovada. Logo aos 6min, Sheik voltou a aparecer após falha da defesa, desta vez do goleiro Gallato, que saiu muito mal do gol em bola cruzada por Edilson. Assim como no primeiro gol, Emerson apenas teve o trabalho de dominar livre e arrematar com firmeza para ampliar o placar.

Mas, desta vez, o gol de Sheik teria o efeito desejado. O Botafogo passou a dominar ampliamente o adversário e chegava à meta rival sem nenhuma dificuldade trocando passes. Tanto é que, três minutos após o tento de Emerson, Daniel contou com a sorte depois da dividida de Gallato com Edilson e pegou o rebote livre para chutar e marcar o terceiro do Alvinegro. Dois minutos depois, ele fez linda jogada individual e transformou a vitória em goleada: 4 a 0 Botafogo.

A goleada, no entanto, ainda estava longe do fim. Aos 27min, Daniel se aproveitou da fragilidade do adversário e marcou o quinto após roubar bola dos zagueiros rivais. Já aos 35min, foi a vez de Wallyson, que havia acabado de entrar em campo, acertar uma bomba de fora da área e assinar o sexto tento do Alvinegro no duelo.

BOTAFOGO 6 X 0 CRICIÚMA

Data: 10/05/2014 (sábado)
Local: Estádio jornalista Mário Filho (Maracanã), no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Cláudio Francisco Lima e Silva
Auxiliares: Ailton Farias da Silva e Daniel Vidal Pimentel
Renda e público: R$ 121.280,00 / 4.225 pagantes / 4.992 presentes
Cartões Amarelos: Eduardo, Fábio Ferreira, Serginho, Rodrigo Souza e Bruno Lopes (CRI); Dória (BOT)

BOTAFOGO
Jefferson; Edílson, Bolívar, Dória e Jr. Cesar; Gabriel, Bolatti, Jorge Wagner e Daniel; Zeballos e Sheik
Técnico: Vagner Mancini

CRICIÚMA
Galatto; Eduardo, Fábio Ferreira, Gualberto e Bruno Cortez; Rodrigo Souza, Serginho, João Vitor e Wellington Bruno; Silvinho e Rodrigo Silva
Técnico: Wagner Lopes

Fonte: UOL