Com passado que ‘assombra’, Botafogo precisa de 11 pontos para ir à Libertadores

Compartilhe:

O sonho dos botafoguenses é a Taça Libertadores da América, competição que o clube não disputa desde 1996. No entanto, a torcida alvinegra tem calafrios quando o assunto é a reta final do Campeonato Brasileiro. Nos últimos anos, a equipe vem batendo na trave, e na hora decisiva acaba ficando fora. Com a eliminação na Copa do Brasil, o técnico Oswaldo de Oliveira terá uma semana inteira para armar o time de olho no encontro do próximo domingo, contra o Goiás, no Serra Dourada.

Segundo o matemático Tristão Garcia, o Botafogo precisa de 11 pontos (aproveitamento de 52,3%) para conseguir ficar entre os quatro primeiros do Brasileirão. Mas os alvinegros precisam ficar em estado de alerta, já que nos últimos cinco Campeonatos Brasileiros o Botafogo atingiu essa meta apenas em duas oportunidades.

Botafogo tem dilema para superar Foto:  André Mourão / Agência O Dia

Em 2008 e 2011, o time só conseguiu quatro dos últimos 21 pontos e terminou o campeonato em sétimo e nono lugar, respectivamente. Para ser ter uma ideia de quão ruim foi a campanha alvinegra, os quatro pontos representam 19% de aproveitamento, margem ligeiramente superior a do virtual rebaixado Náutico, que conseguiu 18,3% dos pontos.

O alento veio em 2009, quando o time lutava contra o rebaixamento e conseguiu 15 pontos nos últimos sete jogos. No ano seguinte, os 11 pontos, que são necessários agora, chegaram na conta do chá. Em 2012, conseguiu apenas dez na reta final.

Com descanso e tempo para Oswaldo arrumar o time, os alvinegros tem boas chances de esquecer os números e voltar a principal competição de futebol do continente sul-americano.

Fonte: O Dia Online

Comentários