O Botafogo avançou na negociação com o São Paulo e está próximo de contratar o atacante Diego Souza, de 33 anos, que tem vínculo com o clube paulista até dezembro deste ano. A expectativa no Rio de Janeiro é de que tudo esteja resolvido até sexta-feira.

As conversas esquentaram nas últimas horas e as partes ainda discutem alguns termos da transferência. O que já está definido é que a antiga dívida que o São Paulo cobra do Botafogo pelo atacante Henrique Almeida não entrará no negócio, como chegou-se a cogitar. O clube tricolor também não deve arcar com uma fatia dos salários do jogador.

O São Paulo pagou R$ 10 milhões ao Sport por Diego Souza em janeiro de 2018. O camisa 9 não começou bem no clube e esteve perto de se transferir para o Vasco na metade do ano passado, mas foi convencido a ficar por Raí, diretor de futebol são-paulino, e acabou terminando a temporada como artilheiro do time, com 16 gols.

Neste ano, Diego perdeu espaço com a chegada de Pablo e tem ficado na reserva. Ele participou de dez partidas e marcou apenas um gol. Antes do Botafogo, o Sport esteve perto de contratá-lo, mas acabou não chegando a acordo com o São Paulo.

A iminente saída de Diego Souza servirá para o clube paulista enxugar sua folha salarial, algo visto como fundamental para contratar reforços pedidos por Cuca. O treinador, aliás, não se opôs à saída do centroavante, mesmo gostando de seu futebol – pediu a contratação dele ao Palmeiras em 2017.

Fonte: Terra