Recuperado de uma cirurgia realizada há cinco meses no ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo, o atacante Sassá já recebeu dos médicos a expectativa de que pode retornar aos gramados na estreia do Botafogo no Campeonato Brasileiro, contra o São Paulo, dia 14 ou 15 de maio.

– O Sassá aos pouquinhos está sendo reintegrado ao grupo. Ele treinou contra o time sub-20, jogou só de 15 a 20 minutos. Ainda é um pouco cedo para a gente citar que está completamente reintegrado. Ele está em fase final de transição e evoluindo super bem, mas precisa ter cuidado. Logo, logo estará de volta. Com certeza vai estar apto para jogar na estreia (da Série A) se o treinador o escolher – explicou o chefe do departamento médico do Botafogo, Luiz Fernando Medeiros, ao Globoesporte.com.

Sassá marcou dois gols em jogo treino realizado nesta terça-feira contra a equipe sub-20, na Escola Naval. Se depender do preparador físico Ednilson Senna, a volta do atacante pode ser até antes: existe a possibilidade de ele ser relacionado para a partida de volta da primeira fase da Copa do Brasil contra o Coruripe, dia 28 de abril, em Xerém.

– Ele vem evoluindo muito, tem uma força de vontade grande, e isso conta muito. Até o final de abril, início de maio ele já queimou algumas etapas. Estamos aos poucos inserindo ele no grupo. Vai evoluindo gradativamente: 10 minutos, 15, 30… Nosso pensamento é mais lá na frente. Quem sabe na Copa do Brasil já levar ele para o banco. Fisicamente o atleta se encontra pronto, mostrou bom equilíbrio tanto na posterior quanto na anterior da coxa e nos deu bastante confiança. Está totalmente curado. Agora é mais campo, começa a ter contato, marcação… A cabeça do atleta ainda cria barreiras sem perceber, mas aos poucos vai perdendo esse medo – afirmou Senna ao Globoesporte.com.

Fonte: Globoesporte.com