Eficiente e pé quente, Renan tem aproveitamento melhor do que Jefferson

Compartilhe:

As constantes convocações do goleiro Jefferson para a Seleção Brasileira abrem espaço para que Renan mostre serviço. E o que fazer quando o reserva tem aproveitamento melhor que o titular? Lógico que o capitão e ídolo do Botafogo é inquestionável. Assim como a superioridade dos números do Alvinegro com o suplente.

Renan, de 24 anos, participou de dez jogos no Campeonato Brasileiro. Foram sete vitórias, dois empates e uma derrota – para o Bahia, no primeiro turno. Um ótimo aproveitamento de 76,6%.

Por sua vez, os números de Jefferson no Brasileirão ficam bem abaixo. Até agora, são 17 jogos, com seis vitórias, cinco empates e outras seis derrotas, 45% dos pontos obtidos – Milton Raphael fez um jogo, na vitória sobre o Criciúma.

– Ele não joga sozinho. Estamos bem no campeonato e perdemos pouco. Nunca porque um ou outro goleiro foi mal. O time que não foi bem. Junta qualidade, sorte e técnica. É um dos goleiros mais técnicos e preparados que trabalhei em 20 anos de profissão – elogiou o preparador de goleiros Flávio Tenius.

Renan, de fato, não está acostumado a sair de campo derrotado. Entre os anos de 2010 e 2012 chegou a alcançar a marca de 23 partidas seguidas sem perder, até ser superado pelo Santos, por 2 a 0, no Engenhão.

Se a torcida alvinegra fica tranquila com toda a qualidade de Jefferson debaixo das traves, ela não precisa ficar preocupada quando está sem ele. Afinal, Renan em campo é praticamente sinônimo de vitórias.

Fonte: Lancenet!

Comentários