A última vez que o Botafogo teve um começo tão bom de Campeonato Brasileiro foi quando ostentava, provavelmente, seu elenco mais forte dos últimos dez anos, liderado por Seedorf. Sem o brilho de um acima da média como era o holandês, a equipe de Eduardo Barroca cumpre seu papel com louvor até aqui, mesmo quando não joga tão bem. Foi com eficiência que ela venceu o Vasco por 1 a 0.

São 12 pontos em 18 possíveis até agora. A equipe de 2013, com 13 pontos nas primeiras seis partidas, foi mais feliz. Terminou a Série A classificada para a Libertadores do ano seguinte, objetivo que aos poucos o atual time alvinegro se permite ter.

— Precisamos ter melhores resultados fora de casa também, não apenas no Nilton Santos — afirmou Eduardo Barroca, já de olho na partida contra o CSA, domingo, em Maceió: — Assim poderemos brigar por posições no alto da tabela.

Domingo, o gol marcado por Diego Souza, aos 12 minutos do segundo tempo, garantiu a terceira vitória do Botafogo em três partidas no Nilton Santos. O camisa 7 foi cirúrgico quando encontrou uma brecha que o Vasco não deu no primeiro tempo.

— O que o Barroca vem fazendo é termos prazer. Pegamos um time bem organizado, que tem uma camisa pesada e um treinador que conhece. Esses jogos são assim: poucas oportunidades e temos que aproveitar – afirmou Diego Souza.

Fonte: Extra Online