As declarações do presidente Peter Siemsen, presidente do Fluminense, seguem tendo desdobramentos e aumentando a cisão no Campeonato Carioca.

Nesta sexta, a diretoria do Botafogo resolveu que o Estádio Nilton Santos não mais será usado pelo Fluminense até que os tricolores se retratem. No dia 29, uma partida do club e diante do Barra Mansa estava programada para o local.

– O Fluminense tomou uma posição totalmente inoportuna. Se eles querem melhorar o futebol do Rio de Janeiro, não podem adotar essa postura. Até que o clube se retrate daquilo que foi falado, o Estádio Nilton Santos está lacrado para o Fluminense — disse o vice administrativo do Botafogo, Anderson Simões.

Na entrevista ao EXTRA, Siemsen insinuou que o o alinhamento do Botafogo com a Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj) poderia estar relacionado a alguma vantagem econômica para o Alvinegro.

Fonte: Extra Online