A vitória sobre o Santos, no último sábado, no Nilton Santos, deu ao Botafogo a liderança do returno do Brasileirão. Agora, o time de Jair Ventura tem quatro vitórias em cinco rodadas. Além dos paulistas, o Alvinegro deixou pelo caminho o Grêmio, o Bahia e o Flamengo. Os resultados reforçam o discurso de que, sim, o Glorioso valoriza o Campeonato Brasileiro, mas acima de tudo dão confiança para superar mais uma vez o Tricolor Gaúcho – agora pela Libertadores – na próxima quarta-feira.

O comandante lembrou que o foco da temporada ainda é a disputa da Libertadores, mas não descartou o Brasileiro. Além disso, ele afirmou que vê o Botafogo mais leve após mais um triunfo no Nilton Santos.

– Nós sabemos da dificuldade da Libertadores, que é o nosso foco maior, mas queremos brigar no Campeonato Brasileiro também. Essa vitória também vale pela parte emocional. A gente vai mais leve para o jogo contra o Grêmio sabendo que fez o dever de casa, com mais uma vitória. O mais importante de tudo é o risco calculado. Não perdemos ninguém. O Victor Luis (que se machucou sozinho) me deu um susto, mas graças a Deus não foi nada. Não teve lesão. Vamos com força máxima para quarta-feira – comentou Jair Ventura.

Além da leveza e do grupo praticamente sem desfalques, o técnico do Botafogo crê que o início precoce do time na Libertadores fez o time compreender como se joga a competição, o que é mais um ponto positivo.

– A torcida do Grêmio vai lotar o estádio. A equipe deles é forte e a gente sabe disse. Eles são vice do Brasileiro e têm dois jogadores de Seleção: Arthur e Luan. Mas estamos otimistas, porque entendemos o espírito da Libertadores. Começamos antes, perdemos na parte física, mas estamos mais maduros – adicionou Jair.

Fonte: Terra