Titular na ausência de Jefferson, Gatito Fernández vai mostrando serviço nas duas partidas que já disputou este ano. Ainda não há certeza se, com Alberto Valentim, ele será titular. Mas já há perspectiva de continuidade do paraguaio no Glorioso – o ídolo já anunciou a aposentadoria para o fim desta temporada.

– Já houve algumas reuniões, estão conversando. Está próximo. Seria muito bom para mim continuar no clube. Eu me sinto muito bem. Se estou fazendo bem as coisas no clube, vou continuar crescendo e vou continuar tendo espaço na seleção – espera Gatito.

O goleiro conversou com a imprensa após a atividade no Estádio Nilton Santos. O local vive os preparativos para a partida do Flamengo contra o River Plate – já há placas da Conmebol e dos patrocinadores da Copa Libertadores sendo colocados na casa alvinegra.

Pelo torneio continental, Gatito foi importante em 2017. Este ano, viu um outro goleiro estrangeiro – Martin Silva – brilhar nos pênaltis, assim como ele, e garantir a classificação de sua equipe à fase de grupos. Feitos semelhantes.

– Não cheguei a falar com ele (Martin), mas fiquei assistindo. O Martin vem fazendo grande trabalho, fez lembrar aquele jogo meu. Fico contente com o trabalho de outro colega – admite, antes de completar:

– Não fiquei pensando nisso também (qual classificação foi mais épica). Aquele dia foi especial. Naquele dia minha imagem mudou um pouco no clube – recorda o paraguaio.

O treino

No treino desta terça-feira, o técnico Alberto Valentim comandou uma atividade tática. O elenco, completado por jogadores do time de juniores, foi dividido em três, e os times se enfrentavam de forma alternada, em campo reduzido. O goleiro Jefferson ainda tem desconforto no tornozelo direito e não foi a campo.

Também não estiveram no gramado o meia Renatinho e o volante Matheus Fernandes, que também se recuperam de problemas físicos. Apesar de muitos testes, o time titular começou como já vem atuando: Gatito, Marcinho, Marcelo, Igor Rabello e Moisés; Rodrigo Lindoso, João Paulo e Valencia; Ezequiel, Kieza e Rodrigo Pimpão.

Fonte: Terra