O Botafogo empatou em 0 a 0 com o Grêmio, pelo jogo de ida das quartas de final da Conmebol Libertadores Bridgestone. Embora o resultado em casa não tenha sido o esperado, o Glorioso segue vivo na disputa e avança de fase em caso de vitória ou empate com gols na partida de volta.

O lateral Gilson, que teve boa atuação no primeiro confronto, substituindo Victor Luis, suspenso, reforçou o discurso de confiança. O jogador, por sua vez, lembrou do equilíbrio no embate e afirmou que a equipe vai determinada atrás do êxito em Porto Alegre.

– A equipe do Grêmio procura jogar com a bola, tem jogadores leves. Conseguimos marcar bem. Seria difícil mesmo. Procuramos a vitória, não foi possível. Mas estamos vivos e temos condições de alcançar essa classificação.

O atleta também comentou o lance em que teria sofrido um pênalti, no segundo tempo, após triangulação rápida do ataque alvinegro. De acordo com Gilson, houve a falta dentro da área, no entanto, prefere não ficar lamentando e contou que o melhor manter a concentração no que está por vir

– Sofri o pênalti. A primeira coisa que fiz quando cheguei ao vestiário foi ver o lance. Infelizmente o árbitro não marcou. É bola pra frente. Sábado temos um jogo importante pelo Brasileiro.

Fonte: Site oficial do Botafogo