Após três vitórias consecutivas, o Botafogo pouco produziu ofensivamente, sofreu um gol no final e acabou derrotado pelo Goiás por 1 a 0 neste domingo, no Serra Dourada, em Goiânia, em partida válida pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. O Glorioso estacionou nos nove pontos e caiu duas posições na tabela, ocupando agora a sétima colocação. Agora, o foco é na Copa Sul-Americana.

Com uma formação diferente, o Botafogo manteve o domínio da posse de bola que tanto chama a atenção neste início de campeonato, mas sem muita objetividade. A melhor (e talvez única) oportunidade alvinegra no primeiro tempo foi aos 18 minutos, quando Gustavo Bochecha quase marcou um golaço.

Do lado do Goiás, as melhores chances sempre foram pelo lado esquerdo, com Michael. Numa delas, o atacante tentou o cruzamento e a bola acabou pegando na trave. Júnior Brandão, de cabeça, também teve uma boa oportunidade, de cabeça, após bola alçada novamente do lado canhoto.

Na etapa final, o panorama mudou um pouco e o Goiás equilibrou no quesito posse de bola, mas o jogo caiu de ritmo, muito também por conta das muitas paralisações para substituições e atendimentos médicos.

A equipe da casa aumentou um pouco a pressão nos 15 minutos finais e conseguiu marcar aos 42 minutos: Yago Felipe cruzou da direita e Kayke cabeceou entre os dois zagueiros para fazer o gol do jogo. Nos acréscimos, Jonathan quase empatou de cabeça, mas o goleiro Tadeu fez uma grande defesa no chão e evitou o empate.

Próximos jogos

O Botafogo agora dá um tempo no Campeonato Brasileiro e volta o foco para a Copa Sul-Americana. A equipe alvinegra enfrenta na quarta-feira o Sol de América (PAR), às 19h15, no Estádio Luis Alfonso Giagni, em Villa Elisa, no primeiro jogo da segunda fase. Pela competição nacional, o próximo desafio será no sábado, dia 25, contra o Palmeiras, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília.

FICHA TÉCNICA
GOIÁS 1 x 0 BOTAFOGO

Estádio: Serra Dourada
Data/Hora: 19/05/2019 – 16h
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (Fifa/PR)
Assistentes: Bruno Boschilia (Fifa/PR) e Rafael Trombeta (PR)
VAR: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Renda e público: R$ 336.265,00 / 14.372 pagantes / 16.347 presentes
Cartões amarelos: Junior Brandão (GOI); Carli, Alex Santana e Igor Cássio (BOT)
Cartões vermelhos:
Gols: Kayke 42’/2ºT (1-0)

GOIÁS: Tadeu; Daniel Guedes, David Duarte, Yago e Jefferson; Geovane, Léo Sena (Yago Felipe 22’/1ºT) e Giovanni Augusto (Marlone 18’/2ºT); Leandro Barcia, Junior Brandão (Kayke 31’/2ºT) e Michael – Técnico: Claudinei Oliveira.

BOTAFOGO: Gatito Fernández; Fernando, Carli, Gabriel e Jonathan; Gustavo Bochecha, Alex Santana (Luiz Fernando 37’/2ºT), João Paulo (Rodrigo Pimpão 22’/2ºT) e Cícero; Erik e Diego Souza (Igor Cássio 9’/2ºT) – Técnico: Eduardo Barroca.

Fonte: Redação FogãoNET