O voo que levaria o Botafogo de Buenos Aires de volta ao Rio de Janeiro está cancelado. O fato ocorre devido a greve geral organizada pelas centrais sindicais, que tem a intenção de parar a Argentina nesta quinta-feira, em protesto pela situação econômica do país. A greve teve início no primeiro minuto desta manhã. A diretoria do clube brasileiro ainda está estudando que proviedências tomar.

Desde a chegada da delegação alvinegra a Buenos Aires, na segunda-feira à noite, as autoridades argentinas estavam preocupadas com a segurança dos brasileiros e dos torcedores na partida contra o San Lorenzo, no bairro Baixo Flores, no Estádio Novo Gasômetro, já que a Polícia também aderiu à greve. No entanto, a Polícia Federal fez o policiamento no jogo, além de ter escoltado o ônibus do time e dos torcedores alvinegros.

O Botafogo viajou pela companhia aérea argentina Aerolineas. A princípio, somente os voos de empresas nacionais estão com problemas neste dia de greve geral no país.

Após a derrota por 3 a 0, em que o Botafogo foi eliminado da Copa Libertadores, já existia a preocupação de que o voo fosse cancelado. No entanto, ainda existia a possibilidade de os jogadores retornarem ao Brasil esta manhã, algo que foi descartado agora.

Fonte: Lancenet!