Após seis meses sem jogar, o goleiro Gatito Fernández retornou à meta do Botafogo, para alívio de sua torcida. Depois de passar o jogo todo sem ter muito trabalho, o paraguaio foi herói ao defender uma finalização à queima-roupa do zagueiro Léo Santos, do Corinthians, aos 49 minutos do segundo tempo. A defesaça (veja abaixo) garantiu a vitória do Botafogo por 1 a 0 neste domingo, que fez o Glorioso respirar na briga contra o rebaixamento.

– Estou muito feliz. Quero agradecer a Deus, que me deu força naquele momento difícil que eu estava passando, aos meus companheiros, que sabem o quanto eu queria ajudar, mas não estava conseguindo. À minha namorada, que sofreu comigo, à minha família que está no Paraguai. Aos meus companheiros que estiveram comigo no dia-a-dia. Eu queria ajudá-los e queria ajudar o Botafogo. Todos esperavam muito de mim, e consegui ajudar. Sei que não estava 100%, mas só queria ajudar. Só queria voltar a jogar – disse Gatito, ao canal Premiere.

Gatito também aproveitou o momento para agradecer à torcida. Com promoção de ingressos, os alvinegros foram em bom número ao Estádio Nilton Santos e gritaram do início ao fim, ajudando a equipe a sair com os três pontos. Foram pouco mais de 21 mil pagantes.

– Com a torcida aqui em peso nosso time é muito forte. É claro que temos que melhorar, mas com sacrifício, com a entrega, conseguimos essa vitória – completou.

https://twitter.com/goleada_info/status/1059189133657161728

Fonte: Redação FogãoNET