Jefferson pede apoio: ‘É ter alma e espírito. Vamos suar sangue e correr dobrado’

Compartilhe:

A derrota para o Flamengo bateu forte no moral do Botafogo. Prova disso foi a postura do goleiro e capitão, Jefferson, em entrevista coletiva concedida nesta quinta-feira. Sério, ele falou sobre o que o Glorioso tem de fazer para se recuperar e não perder o apoio da torcida para os próximos jogos.

– Daqui em diante é preciso ter alma, ter espírito. Tem que dar a vida lá dentro, porque lá está, verdadeiramente, a nossa vida. Não podemos fugir da nossa responsabilidade de conquistar uma vaga na Libertadores. Vamos ter mais uma chance, mas, com todo o respeito, teremos de suar sangue e correr dobrado. Assim vamos chamar o torcedor para o nosso lado – afirmou o goleiro, fazendo uma análise sobre a derrota por 4 a 0 para o rival:

– Tem dia que as coisas não fluem como queremos. O time como um todo não achou o caminho do sucesso. Isso vai afetando durante o jogo. Aqui não tem uma estrela, tem o Botafogo. Quando um ou dois não estão bem, vai complicando a vida dos outros. Foi contagiando um, foi contagiando outro e o time não rendeu o que tinha para render.

Como um dos líderes do elenco, Jefferson prontamente fez questão de falar sobre uma solução para que o Botafogo volte a vencer. Para o camisa 1, apesar da dor que os botafoguenses estão passando, é hora de o time ser apoiado no Maracanã:

– Olha, nesse momento eu sei que é triste, mas vamos precisar da força de todos, da força dos nossos torcedores. Vamos ter tempo para focar nos próximos oito jogos e precisamos ir para a Libertadores nesse ano. Vamos estar muito focados. Temos de virar logo essa página. Dói? Dói muito, mas não dá para ficar lamentando. É hora de levantar a cabeça o mais rapidamente possível.

Fonte: Lancenet!

Comentários