Vítima de uma entrada criminosa de Rildo, João Paulo fraturou dois ossos da perna direita em um clássico com o Vasco. Em recuperação, o volante do Botafogo já anda sem muletas e segue tratamento, vislumbrando retornar antes do prazo previsto.

– Ainda é o início. Tenho feito acompanhamento com médicos, raio-x, exames, mostram evolução. Coloco na minha cabeça que vou tentar ao máximo voltar depois da Copa. Mas claro que com cuidado – afirmou ao programa Esporte Espetacular, da TV Globo.

O jogador revelou que perdoou Rildo, apesar da entrada imprudente.

– Momento difícil, por ser muito recente, cabeça um turbilhão de pensamentos. Rildo foi com o pai e pediu desculpas. Perdoei e falei para estar com cabeça tranquila, cabeça boa, futebol é esporte de contato. Na imagem dá para ver que tentou chegar na bola, lance muito rápido, acabou acontecendo – disse.

João Paulo, que será pai este mês (Joaquim o nome do filho), ainda contou duas histórias curiosas sobre a lesão.

– Logo depois da lesão, quando estava saindo, o Lindoso ficava falando volta, volta. Já tinha tirado a faixa, todo quebrado. E ele falando volta, bate o pé (risos).

– Na final do Carioca, estava próximo à mureta, o resto dos jogadores atrás de mim. Na hora do gol do Carli, parecia avalanche, fiquei entre eles e a mureta, falando olha a minha perna. Ninguém dava bola para mim (risos).

Fonte: Redação FogãoNET