Em crise financeira, o Botafogo acertou cinco patrocínios pontuas para os clássicos diante de Flamengo e Fluminense, pelo Campeonato Carioca. Um deles é a Casa & Vídeo, famosa empresa varejista. No último domingo, o Alvinegro inovou ao entrar em campo estampando uma das promoções do patrocinador: um smartphone por apenas R$ 179. Apesar de pouco usual, a prática será repetida na próxima semana diante do Tricolor. E claro, com um novo produto. A “Liquidação Maluca” até virou piada entre torcedores rivais, mas foi adotada pelos botafoguenses após ‘dar sorte’ contra o rival.

Mais do que isso, a parceria entusiasmou Botafogo e Casa & Vídeo. Tanto que poderá até mesmo ocorrer um novo acordo para a sequência da temporada. A empresa varejista se reuniu por horas na noite da última segunda-feira para analisar os números de venda e exposição. Dependendo do resultado, a diretoria entrará em contato com o Alvinegro para ampliar o patrocínio.

“Já existe essa conversa para ampliar. Falaram até em futuras ações de marketing caso consolide a parceria. Eles ficaram muito empolgados e não me surpreenderia nada se quiserem ampliar a parceria. Sei que algumas pessoas não entenderam o conceito, mas o Botafogo valoriza muito seus parceiros. Não cabe mais apenas expor, tem que ativar a marca. Vamos fazer isso com o maior prazer”, disse o vice de comunicação do Botafogo, Márcio Padilha, ao UOL Esporte.

E a inovação só aconteceu pela grave crise financeira enfrentada pelo Botafogo. Após perder o patrocinador máster da Guaraviton, o clube saiu no mercado em busca de novos parceiros, mas viu as empresas em recessão. Foi nesse momento que o marketing alvinegro precisou usar a criatividade e ser ousado nas negociações.

“O mercado está complicado. A maioria dos clubes hoje são patrocinados pela Caixa. As empresas particulares estão retraídas. O mercado varejista é uma grande opção, mas que investe em outros segmentos. Por que não no futebol? Eles precisavam de uma oportunidade para testar, conhecer. Pode ser algo revolucionário”, afirmou Padilha.

A reportagem entrou em contato com a Casa & Vídeo, que se mostrou empolgada com a parceria com o Botafogo. A possibilidade de divulgar uma das promoções na camisa de um grande clube de futebol foi algo inovador e que criou certo furor até mesmo entre os funcionários da companhia. Por conta da reunião, o responsável pelo departamento de marketing da empresa não pôde conceder entrevista até o fechamento da matéria.

Além da Casa & Vídeo, o Botafogo contou com a parceria também de outras marcas. A Supermercados Unidos foi a patrocinador máster; a Naveg, importadora de modernos produtos de áudio e vídeo, ocupou a barra inferior da camisa; a Netshoes, nas mangas; a Zeex, empresa de eletrodomésticos de Araruama, cidade da Região dos Lagos. Todas as cinco empresas estarão novamente no uniforme diante do Fluminense, neste domingo, no Maracanã.

Fonte: UOL