Em meio a negociações e especulações sobre o destino de Luciano, Cruzeiro e agentes do atacante marcaram uma reunião para esta sexta-feira para iniciar formalmente as tratativas. O atacante de 24 anos deve mesmo retornar ao Brasil após passar uma temporada no Leganés, da Espanha.

Conforme apurou o Superesportes, representantes de Bahia, Botafogo e Vitória também entraram em contato com os representantes do atacante. A preferência de Luciano, no entanto, é o Cruzeiro. O jogador viveu um bom momento da carreira sob o comando de Mano Menezes, no Corinthians, durante a temporada de 2014.

O clube paulista é dono de parte significativa dos direitos econômicos do atacante. O vínculo atual do jovem jogador com o Corinthians vai até o final desta temporada. A partir de julho, Luciano poderá assinar pré-contrato para defender outra equipe.

Justamente para evitar a saída “gratuita” do atacante, o Corinthians não colocará barreiras para negociá-lo. O clube aceita receber uma compensação financeira para repassá-lo definitivamente ou emprestá-lo a outra equipe.

“As duas hipóteses [empréstimo ou venda] são válidas, depende. A gente não faz nada sem conversar com o jogador, com o time interessado. Foi assim com todos os jogadores que saíram”, afirmou Flávio Adauto, diretor de futebol do Corinthians, em contato com a reportagem.

O dirigente disse ainda que o clube alvinegro foi procurado recentemente por times interessados. Nenhuma proposta formal, entretanto, foi direcionada ao Corinthians. Representantes do Cruzeiro, de acordo com o próprio Flávio Adauto, ainda não o procuraram para tratar do negócio.

“A gente tem, por hábitos, ser procurado e responder. Como não fomos procurados, não há como responder. Ainda não há (valor fixado para a venda de Luciano). Só cogitaremos isso quando formos procurados”, completou.

Representantes de Bahia, Botafogo e Vitória não atenderam às ligações antes da publicação desta reportagem. Como de praxe, o Cruzeiro não comenta publicamente negociações em andamento.

A carreira

Luciano foi revelado pelas categorias de base do Atlético-GO, em 2012. O atacante, no entanto, logo se transferiu para o Avaí. Passou uma temporada em Santa Catarina e chamou a atenção do Corinthians.

No clube paulista, fez um bom ano de estreia, com 13 gols em 47 jogos. O comandante à época era justamente Mano Menezes, com quem Luciano tem bom relacionamento.

Em 2015, era o talismã de Tite na campanha do título brasileiro. Fez cinco gols em seis partidas da Série A antes de lesionar o ligamento cruzamento anterior e no menisco lateral do joelho direito.

O problema médico atrapalhou a ainda curta carreira de Luciano. O atacante voltou ao time em 2016, mas não repetiu as boas apresentações. Fez apenas um gol em 24 partidas na temporada antes de ser emprestado ao Leganés.

Na Espanha, estreou com gol. O desempenho irregular, entretanto, o fez alternar entre os times titular e reserva. Chegou a receber atenção nacional ao marcar na derrota por 4 a 2 para o Real Madrid.

Luciano da Rocha Neves
Nascimento: 18/05/1993
Naturalidade: Anápolis (GO)
Pé: canhoto
Altura: 1,80m
Carreira:
2011/12 – Atlético-GO
2013 – Avaí-SC
2014/2016 – Corinthians
2016/17 – Leganés-ESP (27 jogos e 4 gols)

Fonte: UOL